Vacinas de 2 a 10 anos

Vacinas de 2 a 10 anos

Oi flor do dia, tudo bem com você? 

No primeiro ano de vida o bebê toma mais vacinas do que ao longo de toda a vida. Mas não podemos nos esquecer que após esse primeiro ano, precisamos dar continuidade em algumas vacinas.

Sabemos que as vacinas são seguras e de extrema importância para a saúde de toda a população e, já fiz um post aqui no blog com explicação completa de como são desenvolvidos todos os estudos e testes para uma vacina ser aprovada e expliquei com bastante detalhes toda a importância das vacinas. É só clicar aqui para ler na íntegra! 

Em outro post expliquei as diferenças entre as vacinas do SUS e nas clínicas particulares (Clique aqui para ler). Então, se você ainda não viu, vale a pena dar uma olhada para entender a importância de se programar financeiramente para esse momento.  

Abaixo eu trouxe todas as vacinas que as crianças precisam tomar dos 2 aos 10 anos de idade e apontei quais delas possuem diferenças entre o SUS e as clínicas particulares. 

1- o uso da vacina DTPa é preferível ao da DTPw, pois os eventos adversos associados com sua administração são menos frequentes e intensos. O reforço dos 4 a 5 anos pode ser feito com dTpa, DTPa ou DTPw. O reforço dos 9 a 10 anos de idade deve ser feito com a vacina tríplice acelular do tipo adulto (dTpa).
2- No SUS, a menACWY é disponibilizada apenas para crianças entre 11 e 12 anos. 
3- Meninos devem tomar a vacina contra o HPV dos 11 aos 14 anos. 

Lembrem-se que, anualmente, as crianças devem tomar vacina contra a gripe do 6 meses aos 5 anos de idade. A campanha de vacinação contra a gripe ocorre no outono, geralmente entre os meses de maio e junho.

A vacina contra a dengue também deve ser tomada por crianças a partir dos 9 anos com sorologia positiva. 

De mãe em mãe, construiremos um novo maternar!

Até jajá!

Compartilhe este conteúdo
Fechar Menu